terça-feira, 13 de julho de 2010

Top 10 - Homens & Mulheres do Rock


Você vai dizer que eu sou a menininha paga-pau de guitar hero, duvidar do meu gosto, da minha formação musical; vai dizer que aposta e ganha: "você, Renata, guarda todos os discos do Bon Jovi nos porões do Jaçanã", vai falar que não gosto de banda que não tem homem bonito. Mentira. Tá certo que meus Backstreet Boys sempre foram Bono & Larry Mullen Jr, que eu tive amor platônico por Michael Hutchence, que Jim Morrison e suas calças de couro iluminaram meus sonhos por anos a fio e que Elvis não morreu (estou falando do Costello).

Sim, eu tive um pôster do Bon Jovi -- cabelos ao vento, anos 1990 -- colado na porta do quarto e só tirei de lá quando a velha Bizz encartou James Hatfield & sua guitarra fálica, de regata branca e tatuagem no braço. É isso aí. Não vou pular os óbvios, mas vou listar aqui um Top 10 com bônus dos meus sex symbols do rock. E pra homarada se divertir com todas as hipóteses do mundo, listarei também as mulheres. Hoje é Dia Mundial do Rock e eu vou acabar com aquela listinha frouxa da Rolling Stone Brasil, que conseguiu a façanha de enquadrar a Pitty como uma mulher sexy num universo povoado por Debbie Harry, PJ Harvey e Rita Lee, em diferentes tempos. Eles não sabem nada. Nós sabemos tudo.


TOP 10 MEN

1) Michael Hutchence
Pra não dizerem que eu repeti tudo que já disse.

2) Mick Jagger
Que é símbolo absoluto de tudo que é rock e tudo que é sexy. E foda-se se é clichê.

3) Jim Morrison
Que é pai espiritual do Michael Hutchence. E que berrava com aquelas calças de couro...

4) Elvis Costello
Se você não entendeu o porquê de Elvis Costello estar nessa lista é porque você não entendeu nada.


5) Jeff Buckley
O garoto prodígio que todas nós queríamos pegar no colo, mas não conseguimos.


6) David Bowie
Em todas as fases e todas as poses.

7) John Taylor (Duran Duran)Mesmo já na casa dos 50, o tiozinho ainda me arranca suspiros. Mais que o Simon Le Bon.

8) Bryan Ferry
Observem e aprendam com qualquer vídeo dele: isto é charmoso e sexy.

9) Brett Anderson (Suede)
O famoso hétero (ou bi?) com jeito de gay que pega todas e todas adoram. Do glam ao grisalho: indispensável.

10) Bono (U2)
De 1987 a 1997 temos aí uma baita fase boa. Mesmo chuby-chuby.

TOP 10 WOMEN

1) Kim Gordon (Sonic Youth)
Corta pro show do Sonic Youth no Claro Q É Rock! em São Paulo, 2006. Passava de meia-noite na enlameada Chácara do Jockey. Homens e mulheres, gays, héteros, bissexuais e assexuados: todos se aglomeravam frebte ao palco e tremiam feito garotinhas virgens diante de um galã da Malhação. Depois gritavam, murmuravam, assoviavam e promoviam um festival de dança burra e mini-transes nos intervalos dos comentários sobre as pernas, o vestido, o salto e a indefensável pose de Kim Gordon -- meio velha, descabelada, com a maquiagem gasta-- com o baixo nas mãos e, de vez em quando, cantando e dançando. Isso é o rock n´roll.

2) Kim Deal (Pixies/Breeders)
Kim & Kelley. Kelley & Kim. A doida e a lésbica. A presidiária e a baladeira. Gêmeas, desleixadas, têm os olhos azuis e são sensacionais.

3) PJ Harvey
Não quero decidir de Polly Jean é bonita ou feia. Pouco importa. Polly Jean com ou sem batom, com ou sem guitarra, no piano, de pé, submersa: é muito mais sexy que todas as bundas assassinas do domingo à tarde.

4) Debbie Harry (Blondie)
Todas nós queremos ser Blondies, com esse cabelo fantástico, rodando uma echarpe no palco.

5) Rita Lee
Um amigo do meu pai disse que, nos anos 70, o macho adolescente da mão peluda tinha duas tentativas por dia: Sônia Braga e Rita Lee.

6) Dolores O´Riordan (Cranberries)
Aos que curtem as mignons, especialmente as que berravam nas catedrais de Belfast.

7) Alanis Morrissette
É mala, já teve a fase hipponga e só fez 1 disco que preste (eu acredito em Jagged Little Pill). Mas vale a indicação.

8) Cat Power
Alô, macho moderno com cacoete indie! Concordo contigo, a magrelona estilosa é das mais sugestivas.

9) Nico (Velvet Underground)
Nico Icon to All Tmorrow´s Parties.

10) Patti Smith
Porque até Robert Mapplethorpe já curtiu se encostar nesse corpinho ossudo.

11 comentários:

Avarandados do anoitecer disse...

Olha!

muito bom o toplist
mas acho que faltou a primeira dama do Rock - Janis Joplin!

colocaria como 3º a 4º lugar
mas como o toplist não é meu.. rsrs

Muito bom o blog!
apareça no meu tbm

Beijos!
PS: Te sigo no twitter @ovixuz

Dan disse...

Em novembro faço aniversário, e quero um Jim Morrison de presente. Pode me dar ele antes se quiser, não ligo. Nada mal a Alanis tbm.

Avarandados do anoitecer disse...

acho que comentei várias vezes, enfim, esses negócios me confundem!
hahha

bjs!

sil hutch disse...

Primeiro lugar justo (ó quem fala). O Jeff é uma pessoa que, pra mim, não entra exatamente na lista de sexy. Elvis Costelo preciso explorar mais, sério. Brian Ferry tenho dúvidas, embora a voz dele...
De mulher tá lá. Tendo Debbie Peguei Todos Harry já tá valendo.

danidani disse...

aaaaaah nosso queridão mick no auge da juventude. que boca!

MO disse...

Hummmm... Adorei essa parte: "E pra homarada se divertir com todas as hipóteses do mundo, listarei também as mulheres."... Pensei em várias hipóteses... hehehehe

João Carlos disse...

João C. Baptista Uma pequena contribuição para s sua seleção: Lavinia Blackwall do Trembling Bells que vi no Studio SP em maio passado e a magnífica Marianne Faithfull, ex senhora Jagger.

NAC: disse...

Bom, a PJ Harvey é, DE LONGE, a mulher mais deliciosa do rock e talvez do universo feminino esteja entre o top 10.

E como esquecer a Sheryl Crow, que é como vinho, fica cada vez melhor quando envelhece?

Concordo com Kim Gordon, Kim Deal (as duas) e adicionaria Tori Amos e Bjork, com sua beleza exótica.

Aliás, minha teoria é que toda baixista é gostosa. Alguém duvida?

Júlia disse...

Eu queria ser as calças de couro do Jim Morrison por apenas 1 dia!!!rs

Hélio Sales Jr. disse...

PJ Harvey é LINDA SIM! E Alanis é MALA SIM! E eu ia criticar o Bono na lista, mas como vc especificou a melhor fase deles, tive que concordar.
BEIJOS!

Bruno disse...

Gostei de ver a Cat Power ao lado da Kim Gordon, mas senti falta do Elliott Smith na escalação masculina.